Serpes/O Popular: Marconi, Kajuru, Vanderlan e Lúcia estão empatados tecnicamente

Fotos/Reprodução

Pesquisa publicada neste domingo ainda mostra que 22,3% afirmaram que ainda não decidiram em quem votar, e 12,4% disseram que anulariam o voto ou não votariam

Um empate técnico entre os quatro candidatos embolou de vez a disputa ao Senado em Goiás. Sexta rodada da pesquisa Serpes publicada no jornal O Popular deste domingo (30) mostra Marconi Perillo (PSDB) com 14,5%, seguido por Jorge Kajuru (PRP) que tem 14,2%. Logo atrás, Vanderlan aparece com 13,6% e Lúcia Vânia, com 12,4%.

No quinto lugar, Wilder Morais (DEM) aparece com 2,6%, seguido por Agenor (MDB) que tem 2,1%; Professora Magda Borges (PCB), 1,9%; Luís César Bueno (PT) 1,3%; Professora Geli (PT) e Fabrício Rosa (PSOL) 0,7%; Santana Pires (Patriota) 0,6% e Professor Alessandro Aquino (PCB) 0,5%.

Entre os entrevistados, 22,3% afirmaram que ainda não decidiram em quem votar, e 12,4% disseram que anulariam o voto ou não votariam.

A pesquisa foi realizado entre os dias 24 e 28 de setembro e não mediu o impacto da Operação Cash Delivery, deflagrada na última sexta-feira (29) e que prendeu o então coordenador da campanha de José Eliton, Jayme Rincon, além de ter feito buscas e apreensões em endereços do ex-governador e candidato ao senado, Marconi Perillo.

Rejeição
A pesquisa também perguntou em qual candidato o entrevistado não votaria de jeito algum. Nesse quesito, o ex-governador Marconi Perillo lidera a rejeição com 39,5%, seguido por Lúcia Vânia com 16% e Jorge Kajuru com 13%.

Logo atrás, estão os petistas Luís Cesar Bueno com 12,9% e Professora Geli, com 11,9%. Professora Magda Borges e Fabrício Rosa tem 9,7% de rejeição, e Agenor 9,6%; vanderlan 9,5%; Wilder Morais 9,2%; Santana Pires 8,7%, Professor Alessandro Aquino, 8,2%. Entre os entrevistdos, 40% disseram que não rejeitam ninguém e 6,2% não decidiram.

Metodologia
O levantamento ouviu 801 eleitores em 32 municípios goianos entre os dias 24 e 28 de setembro. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos. O intervalo de confiança é de 95%. A pesquisa foi contratada pela J. Câmara e Irmãos/Jornal O Popular e registrada no protocolo número BR-01440/2018 no TSE e no GO-01663/2018 no TRE, ambos no dia 23 de setembro de 2018. A responsabilidade técnica é da Serpes Pesquisas de Opinião e Mercado Ltda.

(Mais Goiás)

Olhe link da matéria completa:
https://www.emaisgoias.com.br/serpeso-popular-marconi-kajuru-vanderlan-e-lucia-estao-empatados-tecnicamente/

 

 

Compartilhar: