Álvaro Dias comenta criação do partido Podemos

Roque de Sá/Agência Senado

Segundo o senador, o Podemos tem o objetivo de fazer a leitura correta do que acontece com o país e contribuir para melhorar a situação dos brasileiros

Em discurso  no plenário, o senador Álvaro Dias, do Paraná, registrou o encontro, realizado no último sábado (1º), que marcou o início das atividades do Podemos, partido político que recebe o registro do antigo Partido Trabalhista Nacional (PTN).

Segundo o senador, o Podemos tem o objetivo de fazer a leitura correta do que acontece com o país e contribuir para melhorar a situação dos brasileiros. De acordo com ele, as instituições e partidos políticos decepcionaram os brasileiros.

Com a Operação Lava Jato alguns partidos estão sendo considerados por procuradores da República como “organizações criminosas” e “lavanderias de dinheiro sujo”, afirmou Alvaro.

O senador afirmou ainda que o Brasil precisa de reformas, mas que não sejam apresentadas por um governo envolvido em escândalos de corrupção. Para Alvaro, os governantes estão abaixo do nível da população que representam.

— Os brasileiros não são fracassados. Não foram os brasileiros que fracassaram. Quem fracassou foi o governo. Os que fracassaram foram os governantes. Ao contrário, o povo desse país não tolera o fracasso — ressaltou. (Agência Senado)

 

 

 

Compartilhar: