Vereador é preso após ser flagrado dirigindo bêbado na BR-158, em Jataí, GO

Reprodução/Facebook

Segundo PRF, teste do bafômetro constatou 0,61 miligramas de álcool por litro de ar expelido. Levado para a delegacia, Thiago Maggioni (foto) pagou fiança de R$ 950 e foi liberado

O vereador Thiago Silvestre Maggioni (PSDB), representante de Jataí, no sudoeste de Goiás, foi preso após ser flagrado dirigindo bêbado. Ele foi abordado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-158, no mesmo município, enquanto conduzia um veículo de luxo. O teste do bafômetro constatou a embriaguez.

O flagrante foi realizado na noite de sábado (2), no Km 270 da rodovia. Conforme informou ao G1 o delegado regional de Jataí, Marcos Guerini, o político foi detido e levado para a delegacia, onde foi autuado. No entanto, foi solto horas depois após pagar fiança de R$ 950 e responderá ao processo em liberdade.

O G1 tenta contato com o vereador desde às 10h40 deste domingo (3), mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta reportagem.

Segundo a PRF, Maggioni estava conduzindo uma Land Rover Evoque quando foi abordado ainda já no trecho urbano da via durante uma fiscalização de rotina.

Após ser submetido ao exame, o resultado constatou 0,61 miligramas de álcool por litro de ar expelido.

Pela infração, ele foi multado em R$ 2.934,70. A CNH é apreendida logo em seguida, mas liberada ao condutor pelo fato dele ter sido solto. O documento pode ser suspenso por até um ano ao final da análise do procedimento administrativo aberto no Detran. Na esfera penal, se condenado, ele pode pegar uma pena de seis meses a três anos de prisão. (Por Sílvio Túlio, G1 GO)

Olhe link da matéria completa:
http://g1.globo.com/goias/noticia/vereador-e-preso-apos-ser-flagrado-dirigindo-bebado-na-br-158-em-jatai-go.ghtml

 

 

Compartilhar: