Tragédia – Vice-presidente da OAB é transferido de hospital e se recupera bem após tiro no pescoço, diz filho

OAB-GO/Reprodução

Thales Jayme, vice-presidente da OAB-GO, foi baleado em Pirenópolis por um funcionário da fazenda após uma discussão

O advogado e vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil Seção Goiás (OAB-GO), Thales José Jayme, de 56 anos, foi transferido de hospital e se recupera bem após ter sido baleado no pescoço, segundo o filho dele. A bala ficou alojada e, em um primeiro momento, não será retirada. João Pedro Jayme conta que ainda não conseguiu conversar direito com o pai e não sabe o que motivou a discussão dele com o funcionário da fazenda, suspeito de realizar o disparo. O empregado se matou em seguida.

Thales foi baleado por volta das 9h de sábado (9), quando estava em sua propriedade, em Pirenópolis. O advogado discutiu com o funcionário, identificado como José Pereira Barbosa, de 52 anos. Ao sair do local de carro, Thales foi atingido no pescoço e perdeu o controle da direção, e o veículo entrou em uma represa rasa. Em seguida, o funcionário atirou contra si.

Os dois foram socorridos. José não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital Estadual Ernestina Lopes Jaime, em Pirenópolis. Thales foi levado para o mesmo local e depois transferido de helicóptero para o Hospital de Urgências Governado Otávio Lage de Siqueira.

No entanto, ele foi transferido durante a noite para o Hospital Neurológico."A família optou por essa transferência para que ele ficasse mais perto da gente. Ele se recupera bem, não corre nenhum risco, não vai ter sequelas", contou o filho ao G1.

A bala, segundo João Pedro, ficou alojada perto da vértebra, mas ela não será retirada em um primeiro momento. "Foi uma decisão tomada por motivos de segurança. Vamos deixar ele se recuperar inicialmente, já que ela lá não vai representar nenhum risco", disse.

Sobre o motivo da discussão que terminou com o tiro no advogado, o filho disse não ter muitas informações. "Ele estava sedado, passou a noite sob efeito de medicamentos, então não conseguimos conversar com ele. Estamos esperando também as investigações da polícia", contou.

Investigação
Após o crime, o delegado Vander Coelho esteve na propriedade e informou que uma perícia já foi realizada. Ele afirma que o gerente da fazenda testemunhou o crime e que o relato dele é condizente com a situação encontrada pela corporação.

"Houve uma discussão a qual o gerente não soube dizer o motivo. Após isso, o homem apresentou a arma para o advogado, que saiu e entrou no carro. Porém, o homem efetuou dois disparos, sendo que um atingiu a vítima", disse Coelho.

(Por Vitor Santana, G1 GO)

Olhe link da matéria completa:
https://g1.globo.com/go/goias/noticia/vice-presidente-da-oab-e-transferido-de-hospital-e-se-recupera-bem-apos-tiro-no-pescoco-diz-filho.ghtml

 

 

 

Compartilhar: