Pai é preso após matar filho de um mês de vida, em Aparecida de Goiânia

Reprodução/Facebook

O bebê foi encaminhado a UPA e os funcionários desconfiaram da versão da família

A Guarda Civil Metropolitana (GCM) de Aparecida de Goiânia prendeu um homem na noite de sábado (1º) que confessou ter jogado o filho de apenas 54 dias de vida contra a parede. O caso aconteceu na casa da famílila, no setor Expansul. A criança chegou a ser encaminhada para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Brasicon, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo a Polícia Civil, Wallison Lima, de 27 anos, estava ingerindo bebida alcoólica,quando começou a discutir com a mulher. O bebê começou a chorar, o que irritou o homem. Ele então jogou a criança contra a parede.

O bebê foi encaminhado a UPA e os funcionários desconfiaram da versão da família, que havia informado que a criança havia caído da cama. Eles então acionaram a GCM, que prendeu o homem.

Aos guardas, Wallison confessou o crime e foi encaminhado ao 1º Distrito Policial de Aparecida de Goiânia, onde foi autuado por homicídio qualificado por motivo fútil.

Com informações do G1.

(Mais Goiás)

Olhe link da matéria completa:
https://www.emaisgoias.com.br/pai-e-preso-apos-matar-filho-de-um-mes-de-vida-em-aparecida-de-goiania/

 

Compartilhar: