Anápolis – Jovem confessa ter matado o pai com ‘mata leão’ para defender a mãe de agressão, diz delegado

Reprodução/TV Anhanguera

Filho, de 20 anos, se apresentou à polícia três dias após o episódio, depôs e foi liberado. Segundo investigação, casal estava junto há mais de 20 anos, mas mulher era agredida por querer separação

O jovem de 20 anos suspeito de matar o pai, de 40, com um golpe conhecido como "mata leão", prestou depoimento à polícia em Anápolis, a 55 km de Goiânia. Segundo o delegado Vander Coelho, responsável pelo caso, ele confessou ter cometido o homicídio, mas alegou ter agido em legítima defesa para proteger a mães, que havia sido agredida pelo marido, Wanderli Rodrigues de Oliveira, momentos antes.

O rapaz se apresentou à polícia na segunda-feira (6), três dias após o episódio. No contato com o G1, no início da tarde desta quarta-feira (8), o delegado disse que não estava na delegacia e, por isso, não teria como informar o contato do advogado dele. Como já não havia mais flagrante, ele foi ouvido e responderá ao processo em liberdade.

Segundo depoimentos de testemunhas, o casal estava junto havia 21 anos, mas há quatro a mulher tentava se separar. Diante disso, ela começou a ser agredida constantemente pelo marido. Na última sexta-feira (3), o jovem ouviu uma discussão dos pais e interveio.

"O pai teria tentado esganar a mãe. Naquele momento, ele avançou contra o pai e aplicou um golpe, popularmente conhecido como 'mata leão'. Logo que ele conseguiu segurar o pai, os dois caíram e conforme relato do autor e das testemunhas que ali estavam, permaneceram em luta corporal. O rapaz segurando o pai com receio de que ele ainda avançasse contra a mãe ou a irmã, como era promessa dele, de que mataria a mãe, todos os filhos e, posteriormente, iria suicidar", afirmou o delegado.

(Por Sílvio Túlio, G1 GO)

Olhe link da matéria completa:
https://g1.globo.com/go/goias/noticia/2018/08/08/jovem-confessa-ter-matado-o-pai-com-mata-leao-para-defender-a-mae-de-agressao-em-anapolis-diz-delegado.ghtml

 

Compartilhar: