Trabalhador rural morre após tentar apagar queimada em lavoura, em Jataí

Reprodução/TV Anhanguera

Homem de 52 anos foi encontrado por colegas com marcas de queimadura pelo corpo. Segundo IML, ele morreu por asfixia por causa da fumaça

O trabalhador rural Adailton Domingos da Silva, de 52 anos, morreu após tentar apagar uma queimada em uma lavoura, na zona rural de Jataí, no sudoeste de Goiás. Conforme apurou a TV Anhanguera, ele e outros colegas, que trabalhavam em uma fazenda ao lado, viram as chamas e tentaram conter o fogo, mas a vítima acabou se ferindo e não resistiu às queimaduras.
O caso aconteceu na noite de terça-feira (15). Conforme os trabalhadores informaram à TV Anhanguera, o grupo usava abafadores para eliminar as chamas quando sentiram falta da vítima. Eles começaram a procurar pelo colega e encontraram o corpo dele com marcas de queimaduras. A vítima foi levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Jataí, mas não sobreviveu.
Segundo a Polícia Civil, a Polícia Técnico Científica esteve no local e realizou uma perícia. O corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal (IML), onde passou por exames. O órgão informou ainda que o trabalhador morreu por asfixia devido à fumaça do local.
O G1 tentou entrar em contato com o delegado que estava de plantão na noite do ocorrido, mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta reportagem. (Por Vanessa Martins, G1 GO)

Olhe link completo da matéria, vídeo e foto:
http://g1.globo.com/goias/noticia/trabalhador-rural-morre-apos-tentar-apagar-queimada-em-lavoura-em-jatai.ghtml

 

 

 

 

Compartilhar: