Prefeitura inicia processo para regularização do Distrito do Buriti em Alto Araguaia

Assessoria de Imprensa

Equipe do Departamento Tributário fará ‘força-tarefa’ para atender moradores da localidade e recolher documentação

Marcos Cardial – Assecom/AIA

O prefeito Gustavo Melo (PSB) anunciou, em reunião na manhã desta segunda-feira (25), que os moradores do Distrito do Buriti, localizado na zona rural do município de Alto Araguaia (415 km de Cuiabá), serão beneficiados com políticas públicas de regularização fundiária. Nesta terça-feira (26) e quarta-feira (27) uma equipe da Coordenadoria de Tributos estará na localidade recolhendo a documentação das propriedades para emissão do título de propriedade.

A ação será realizada por meio de uma ação conjunta entre Prefeitura de Alto Araguaia, Governo de Mato Grosso e Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), este responsável pela regularização fundiária de terras em áreas estaduais.

O assunto foi debatido em reunião no gabinete do prefeito e reuniu os vereadores André Leal, Deusdete Xixica, Clodoaldo Fernandes, secretário de Administração Manoelito dos Dias de Rezende, chefe de gabinete Welton Júnior, coordenador de tributos, Willengarg Elias de Oliveira e agente administrativo Anderson Borges.

Para emissão do título de propriedade de áreas no Distrito do Buriti a prefeitura montará uma espécie de ‘força-tarefa’ na localidade deslocando servidores e equipamentos para cadastramento dos moradores e recolhimento de documentos, o que deve ocorrer entre esta terça-feira e quarta-feira. É necessária a apresentação do CPF e RG do requerente, além do CPF e RG do cônjuge, certidão de nascimento, casamento ou documento equivalente, comprovante de residência, contrato de compra e venda (caso possua) e declaração de renda.

A regularização do Distrito do Buriti deverá beneficiar cerca de 179 famílias. Cerca de 716 habitantes serão beneficiados com a ação. A emissão dos documentos é um sonho antigo dos moradores, que vivem basicamente da atividade agrícola, pecuária e da exploração de pequenos estabelecimentos comerciais na localidade.

“Esse problema de regularização fundiária se arrasta há décadas sem um cuidado especial por parte dos governantes, e agora, em nosso governo, resolvemos encará-lo de frente. Fazemos esse chamamento aos moradores para que providenciem a documentação necessária. Qualquer dúvida pode procurar os nossos servidores que estarão à disposição no Distrito no Buriti durante dois dias para prestar os esclarecimentos necessários. Queremos agilizar a regularização do Distrito do Buriti”, disse o prefeito.

 

 

 

Compartilhar: