Prefeitura de Alta Araguaia realiza com sucesso Bazar da Família

Assessoria de Imprensa

Através da Campanha do Agasalho, Assistência Social realiza Bazar da Família em Alto Araguaia; centenas de famílias foram beneficiadas

Ana Clara Souza (Estagiária) – Assecom/AIA

“Consegui escolher muitas roupas para os meus filhos”, comenta a moradora do Bairro Nossa Senhora Aparecida, em Alto Araguaia (MT), Marcia Silva Lopes. Assim como Marcia, aproximadamente 150 pessoas participaram do Bazar da Família onde foram entregues diversas roupas e cobertores angariados por meio da Campanha Aquecendo Corações. As ações foram desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SEADS).

De acordo com a secretária interina da pasta, Ana Maria Fraga, o bazar superou as expectativas tanto na arrecadação, quanto na presença das famílias atendidas pelas políticas públicas sociais. “Ficamos felizes com tamanha solidariedade da população que contribui para ajudar diversas pessoas em estado de vulnerabilidade”, pontua.

A campanha teve um mês de duração e contou com dez pontos de coleta distribuídos em mercados, instituições de ensino, instituições religiosas e órgãos públicos. Entre as doações, centenas de calçados, blusas, camisas, camisetas, shorts, calça jeans, moletom, cobertores e roupas infantis.

Apenas uma moradora do Bairro Aeroporto, fez doações de roupas que totalizaram o equivalente a 15 sacos grandes. Ao saber da campanha, Lindeia Sobrinho David, 36 anos, conta que reuniu roupas dos filhos, sobrinhos e ainda pediu doações em uma escola do município. “Como tenho filhos adolescentes e sabemos da necessidade das pessoas, me coloquei no lugar das mães, onde às vezes não tem condições de comprar. Já recebi muita ajuda e hoje vejo isso como uma contribuição”, declara.

Com a quantidade de roupas arrecadas, servidores da SEADS e do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) separaram, antes do bazar, roupas para serem entregues às crianças carentes atendidas pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV).

“Gostei muito desse bazar que é uma grande ajuda para quem precisa. Pude levar roupas para mim e para o meu marido. Só tenho a agradecer”, diz, sorridente, dona Maria do Carmo Oliveira, 67 anos, ao escolher peças com tons vermelhos para ela e roupas claras para o marido.

 

 

 

Compartilhar: