Dilma inclui novas rodovias no Programa Nacional de Desestatização

Foto: Reprodução

Trecho da BR-364, de Minas até Alta Araguaia - MT, foi incluído no lote de rodovias federais para serem concedidos à iniciativa privada. Trecho, ainda sem duplicação, é palco de inúmeros acidentes e tragédias

A presidente Dilma Rousseff publicou nesta quinta-feira, 25, no Diário Oficial da União, o Decreto 8.575 que inclui novas rodovias federais no Programa Nacional de Desestatização (PND). A medida publicada altera o Decreto 2.444 de dezembro de 1997 para incluir os novos trechos, recomendados pelo Conselho Nacional de Desestatização (CND) em outubro deste ano.

Foram incluídos no PND oito lotes de rodovias federais para serem concedidos à iniciativa privada. São eles:
1) BR-153/PR: trecho Entr. PR-160 (p/Paula Freitas) – Div. PR/SC; 2) BR-153/SC: trecho Div. PR/SC – Div. SC/RS; 3)BR-282/SC: trecho Entr. BR-153 (p/Irani) – Entr. BR-480(B)/SC-156 (p/ Chapecó); 4)BR-480/SC: trecho Entr. BR-282(B) (p/ Chapecó) – Início da Travessia Urbana de Chapecó; 5) BR-364/GO: trecho Div. MG/GO – Div. GO/MT (Santa Rita do Araguaia) – Trecho Urbano; 6)BR-365/MG: trecho Entr. BR-050(B)/455/497 (Uberlândia) – Entr. BR-364(B) (Div. MG/GO); 7) BR-364/MT: trecho Entr. MT-100(A) (Div. GO/MT) (Alto Araguaia) – Entr. BR-163(A); e 8) BR-060/GO: trecho Entr. GO-164(A)/513 (Acreúna) – Entr. BR-364(A).

Compartilhar: