Número de mortos devido ao terremoto e tsunami na Indonésia se aproxima de 1.000

Reprodução

Número de vítimas deverá aumentar, pois muitos corpos estão debaixo dos escombros

O número de vítimas do terremoto e tsunami ocorridos na sexta-feira passada (28) na Indonésia atingiu 832 neste domingo (30), comunicou um alto responsável, adiantando que as áreas afetadas podem ser maiores do que o esperado.

Assim, Muhammad Syaugi, ministro das Calamidades da Indonésia, citado pela AP, disse aos jornalistas que as pessoas continuam gritando debaixo dos escombros dos prédios derrubados pela calamidade natural que sacudiu a cidade indonésia de Palu, na ilha de Sulawesi.

"Ainda consigo ouvir vozes de sobreviventes gritando por socorro ao inspecionar o complexo [desabado]", disse ele ao portal local Detik.com, adicionando que lá haveria umas 50 pessoas retidas.

O titular da pasta frisou que, por enquanto, as estatísticas sobre vítimas da catástrofe não estão completas.

"Acredita-se que o número de vítimas ainda aumentará, pois muitos corpos ainda estão debaixo dos escombros e muitos deles ainda não foram encontrados", observou.

A ajuda humanitária às regiões mais afetadas está sendo enviada por meio de aeronaves comerciais e militares, inclusive helicópteros.

O vice-presidente do país, Jusuf Kalla, disse ao jornal The Guardian que nos próximos dias o número de mortos "pode aumentar para vários milhares". Mais cedo, havia sido comunicada a existência de 420 vítimas.

(SPUTNIKNEWS.COM)

Olhe link da matéria completa:
https://br.sputniknews.com/asia_oceania/2018093012328716-mortos-terremoto-tsunami-vitimas-indonesia/

 

 

 

 

Compartilhar: