Nove casos em que os filhos foram vítimas da violência dos pais

Reprodução/Internet

A morte de Isabella Nardoni chocou o Brasil pela sua crueldade (foto da simulação do crime). Relembre outros casos em que os pais mataram os filhos

Filha Indesejada: O pai da garota, Ricardo Najjar foi condenado a 24 anos de prisão  acusado de matar a filha, Sophia, 4, com um saco plástico em 2015. A sentença foi anunciada na madrugada desta quinta-feira (1). 

Pai homenageado: O agente penitenciário Ronaldo da Silva Corrêa matou a filha, Anna Victória Corrêa. O crime aconteceu depois da adolescente homenagear o pai nas redes sociais. Ninguém sabe explicar os motivos. O homem se matou após o crime.

Choro da criança: Alan Duenho, pai de uma menina de apenas dois meses, é suspeito de matar sua filha espancada enquanto aguardava a mãe da criança chegar do hospital. O motivo teria sido o choro da criança. 

Morreram juntos: Um pai se enrolou em um cobertor com o próprio filho de 5 anos de idade e ateou fogo ao próprio corpo em Cidade Tiradentes, zona leste de São Paulo. O menino Marcos Varela Silva e Cleriano José da Silva — o pai do garoto — morreram na hora. Não se sabe o motivo.

Para fugir da pensão: Policiais da Delegacia de Araruama (118ª DP) prenderam, um homem suspeito de matar o próprio filho, um adolescente de 13 anos. O corpo de Robson da Silva Ribeiro Junior foi encontrado em março deste ano, enterrado nas areias da Praia do Dentinho, no distrito de Praia Seca, em Araruama, região dos lagos do Rio. Na época, o fato gerou grande clamor público e repercussão na cidade, motivando passeatas e uma grande mobilização popular.

Perdeu a guarda: Inconformado por não ficar com a guarda dos filhos, César, de 48 anos, decidiu matá-los. Ele esfaqueou Maria, de dez anos, e Bernardo, de seis. Em seguida, se jogou do quinto andar do prédio, onde moravam, em Jacarepaguá, na zona norte do Rio de Janeiro.

Torcia para o Corinthians: Um homem matou o próprio filho, de 15 anos, na zona leste de São Paulo. O pai, palmeirense, não aceitava ter um filho corintiano e, após ver o menino com uma corrente do time rival, o esfaqueou. O irmão mais velho da vítima, tentou socorrer o menino, mas ele morreu em seus braços. A polícia ainda procura pelo pai assassino.

Para vingar traição: O zootecnista Hugo Imaizumi, de 41 anos, é acusado de matar os dois filhos para se vingar da mulher. Ele deixou um bilhete onde expõe o motivo do crime. A mulher negou qualquer traição. 

Caso Nardoni: Alexandre Nardoni, o pai, e Anna Carolina Jatobá, a madrasta, foram condenados a 31 anos e 26 anos de prisão,respectivamente, por atirar Isabella, 5, do sexto andar de um prédio na noite de 29 de março de 2008.Ambos cumprem pena na Penitenciária do Tremembé. 

(Márcio Neves, Do R7)

Olhe link da matéria completa:
https://noticias.r7.com/sao-paulo/fotos/nove-casos-em-que-os-filhos-foram-vitimas-da-violencia-dos-pais-01022018#!/foto/9

Compartilhar: