Primeira-dama incentiva ações sociais nos municípios goianos

FOTO: EDUARDO FERREIRA

Presidente de honra da OVG, Valéria Perillo, foi a anfitriã do encontro que reuniu 183 representantes municipais, entre prefeitas e primeiras-damas

Os programas, benefícios e ações da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) foram apresentados durante o Encontro de Primeiras-damas e Prefeitas, na quinta-feira, dia 26, no auditório Mauro Borges, do Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia. A presidente de honra da Organização, Valéria Perillo, foi a anfitriã do evento, que teve a presença do governador Marconi Perillo, da vice-presidente de honra da OVG, Fabrina Müller, dos diretores e de 183 representantes municipais, entre prefeitas e primeiras-damas.

Segundo Valéria, o encontro, além de mostrar as ações da OVG, teve o objetivo de incentivar o desenvolvimento de ações sociais nos municípios. “Vivemos um momento difícil no País e por meio de parcerias é possível implantar projetos que vão fazer a diferença na vida de muitas pessoas. O importante é fazer o bem! O resultado sempre será positivo”, destacou.

Valéria citou exemplos de projetos que podem ser realizados juntamente com as prefeituras. “As unidades do Restaurante Cidadão têm como ser implantadas nas cidades com mais de 30 mil habitantes, os Centros de Educação Infantil podem ser construídos por meio do Cheque Comunitário, temos como estimular a criação de centros de voluntariado, oferecer orientação sobre apoio a idosos, gestantes, enfim, a OVG pode oferecer assessoria para inúmeras demandas locais”, explicou

Diretora geral da OVG, Eliana França fez uma detalhada exposição da atuação da instituição. Ela falou sobre os programas Bolsa Universitária, Centro de Apoio ao Romeiro e Show de Natal, além dos atendimentos às pessoas da terceira idade, Casa do Interior, e o trabalho com adolescentes grávidas desenvolvido no Centro Social Dona Gercina Borges. “A OVG está de portas abertas para esclarecer sobre os benefícios e programas da Organização”, pontuou.

Estímulo
Atriz, formada em artes cênicas e roteirista de eventos artísticos, Renata Quintella, paulista de Ribeirão Preto, 43 anos, foi uma das  palestrantes do encontro. Com o tema O que eu posso fazer por você agora?, Renata, que criou o Instituto A Nossa Jornada, se considera uma “empreendedora social”. Mostrou que, na prática, é muito simples fazer o bem para alguém, e que, com pequenos gestos, é possível mudar a vida das pessoas. “Compartilhe o que você tem, um sorriso, um abraço, um carinho, seu tempo. Juntos ficamos mais fortes e conseguimos ajudar uma infinidade de pessoas”, ensina.

Consultor em gestão empresarial, Waldez Luiz Ludwig,  formado em Psicologia, falou sobre Liderança,Motivação e Criatividade. Na palestra, destacou a importância do conhecimento e de ações inovadoras nos dias de hoje. “É importante traçar metas e sempre superar obstáculos. Quem não inova, não consegue avançar e fica só”.

A primeira-dama de Fazenda Nova, Terezinha Ferreira, elogiou a iniciativa. “As palestras foram ótimas. Com as informações que recebemos, teremos um norte por onde começar para implantar programas em benefício dos moradores”.

Prefeita de Bela Vista de Goiás, Nárcia Kelly Alves também considerou o encontro produtivo e acredita que terá o apoio necessário para desenvolver novas propostas em seu município. “Fiz questão de participar desse evento, que foi muito esclarecedor. Sempre tivemos o apoio do governo e da OVG em nosso município e temos certeza que essa parceria será mantida para conseguir atender as demandas sociais que são muito grandes”, ressaltou.

Um vídeo institucional foi apresentado mostrando as unidades, ações e programas desenvolvidos em parceria com o Governo do Estado. As participantes também receberam material informativo sobre a Organização das Voluntárias de Goiás.

Compartilhar: