Banco do Povo lança campanha para arrecadar roupas e calçados

Reprodução

A meta agora é triplicar a arrecadação, para que outras entidades sejam contempladas

Lançada nesta sexta-feira, dia 18, a Campanha Banco Solidário, uma ação de responsabilidade social, de iniciativa do Banco do Povo de Goiás. No lançamento, o superintendente do Banco do Povo, Danilo Rabelo, fez a apresentação da madrinha da campanha, a modelo e apresentadora Monalisa Carneiro. Esta é a segunda edição da campanha, a primeira arrecadou mais de mil peças de roupas e calçados. Três entidades foram beneficiadas.

A meta agora é triplicar a arrecadação, para que outras entidades sejam contempladas. Roupas, calçados, fraldas, alimentos e utilidades domésticas, podem ser entregues nas unidades do Banco do Povo em Goiânia e no interior do Estado. Aqueles que queiram doar e não possuem meios de levar as doações até os pontos de arrecadação (Unidades do Banco), basta solicitar por meio dos telefones (62) 998521219 ou 3201.7523, que os organizadores da campanha irão até o local indicado, buscar as doações.

Instituição
O Banco do Povo de Goiás é um programa social do Governo de Goiás, que oferece linhas de crédito ao pequeno empreendedor que tem interesse em produzir e crescer, por meio de seu trabalho e experiência, aumentando a renda familiar e a independência financeira. A liberação é feita, mediante análise, para aquisição de máquinas, ferramentas, móveis, utensílios novos, motocicleta para mototáxi, matéria prima ou mercadoria para revenda, animais, fachadas e anúncios públicos fixos, como placas e letreiros.

Os valores financiados vão de R$ 500,00 a R$ 15.000,00. A média mensal da margem de financiamentos varia de R$ 800 mil a R$ 1,2 milhão. O Banco do Povo atende 203 municípios e registrou no mês de julho, um aumento de 473,736% em relação ao ano de 2016, atingindo recorde de volume liberado, chegando a R$ 2,69 milhões.
O Banco do Povo de Goiás é vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico e fica na av. Anhanguera, entre a Rua 9 e Avenida Tocantins. (Goiás Agora)

Compartilhar: