Um ano depois, Tite resgata amor do torcedor pela seleção brasileira

Reprodução/Internet

Brasil venceu todas nas Eliminatórias desde a chegada do treinador

Há exatamente um ano, o técnico Tite estreava em partidas oficiais no comando da seleção brasileira. Mais do que isso, trazia de volta o amor do torcedor pala seleção brasileira. A partida da última quinta-feira (31) terminou da mesma forma que a primeira, com vitória, dessa vez por 2 a 0, um gol a menos do placar conquistado em território equatoriano.

Na entrevista coletiva após a partida, o treinador revelou que estava mais "pesado emocionalmente" no jogo contra o Equador. O motivo? Estar de volta à sua terra, suas raízes. Para ele foi gratificante ver a seleção jogar em Porto Alegre, onde treinou Grêmio e Inter e tem o respeito das duas torcidas.

Tite estreou em grande estilo, vencendo o mesmo Equador, por 3 a 0, fora de casa. Com o resultado, o torcedor já começava a notar que a vida nas Eliminatórias poderia ser bem diferente do que era com Dunga.

Sob comando do antigo treinador, a seleção vivia momentos conturbados, fazendo com que o torcedor brasileiro ficasse com receio até de ver o Brasil pela primeira vez fora de uma Copa do Mundo, principalmente após a exibição decepcionante na Copa América Centenário, quando a equipe foi eliminada na primeira fase em um grupo que tinha Equador, Haiti e Peru. 

A queda precoce na competição foi o fim da linha para Dunga e o início de uma nova era, a Era Tite. O treinador vinha de ótimo trabalho no Corinthians e foi praticamente uma decisão unânime da comissão técnica. O apoio popular também foi fundamental.

Rapidamente, Tite deu uma nova cara para a seleção, chamou jogadores de sua confiança, deu mais liberdade ao craque Neymar e bancou o ainda jovem e inexperiente Gabriel Jesus com a camisa 9. O resultado foi imediato, com gol de Gabriel Jesus. Posteriormente, a equipe ainda fez bonito contra a Argentina, no Mineirão, e contra o Uruguai, fora de casa.

O acerto em trazer Tite foi tão grande que a seleção está garantida na Copa com quatro rodadas de antecedência, fez o brasileiro resgatar o sentimento de torcer de fato pela amarelinha e ainda acreditar na tão sonhada conquista do hexa na Copa do Mundo de 2018, na Rússia. (R7.COM)

Olhe link da matéria completa:
http://esportes.r7.com/futebol/um-ano-depois-tite-resgata-amor-do-torcedor-pela-selecao-brasileira-01092017

 

 

Compartilhar: