Neymar enfrenta primeira falsa polêmica no PSG

Reprodução/Internet

No exato momento em que tirou a camisa, as câmeras de TV flagraram o dono do PSG, Nasser Al-Khelaifi, em um sinal de reprovação

As polêmicas parecem procurar Neymar. Tudo que o agora jogador mais caro do mundo faz toma proporções antes inimagináveis e, neste sábado (5), logo em sua apresentação à torcida do Paris Saint-Germain no Parque dos Príncipes, não foi diferente.

Empolgado pelo calor da torcida que cantava a plenos pulmões uma versão adaptada de Aquarela do Brasil (lááá-lá-lá-lá-lá-laiáááá, Neymar, Neymar), o jogador quebrou o protocolo e foi em direção às arquibancadas. Por lá, tirou a camisa 10 e jogou para torcida.

No exato momento em que tirou a camisa, as câmeras de TV flagraram o dono do PSG, Nasser Al-Khelaifi, em um sinal de reprovação já que aquele é também o momento dos patrocinadores exibirem suas marcas na camisa da equipe. A partir daí, a primeira falsa polêmica em torno do craque com – ou melhor, sem – a camisa do time foi instaurada.

Pouca gente lembrou, no entanto, que Neymar vendeu 10 mil camisas, só em 6 horas. A quantia já teria rendido mais de 500 mil euros ao jogador de 222 milhões de euros.

Diante dessas cifras, Neymar pode comemorar até pelado.(R7.COM)

Olhe link da matéria completa:
http://esportes.r7.com/blogs/r7-so-esportes/neymar-enfrenta-primeira-falsa-polemica-no-psg/2017/08/05/

 

 

 

 

 

Compartilhar: