Siamesas separadas em GO já respiram sem ajuda de aparelhos

Reprodução/Internet

Segundo equipe médica, medicação dada às recém-nascidas Débora e Catarina foi reduzida e elas já estão recebendo alimentação líquida através de sonda

As gêmeas siamesas que passaram por cirurgia de separação em hospital de Goiânia apresentaram melhoras na terça-feira (28) e já respiram sem a ajuda de aparelhos, mas ainda estão em estado grave.

A equipe médica informou ao 'G1' que a medicação dada às recém-nascidas Débora e Catarina foi reduzida e elas já estão recebendo alimentação líquida através de sonda.

Com quadro estável, as irmãs seguem internadas na UTI do Hospital Materno Infantil.

Elas nasceram em 22 de agosto, unidas pelo tórax e abdômen, e compartilhavam o fígado. No dia seguinte, as irmãs foram submetidas a uma cirurgia de separação em caráter de urgência.

A mãe recebeu alta médica e passa bem.

(Notícias ao Minuto)

Olhe link da matéria completa:
https://www.noticiasaominuto.com.br/brasil/643640/siamesas-separadas-em-go-ja-respiram-sem-ajuda-de-aparelhos

 

 

Compartilhar: