Meio Ambiente. Maitê Proença é cotada para ser ministra de Bolsonaro

Reprodução/Instagram

  Maitê Proença pode ser ministra

Longe da telinha, Maitê Proença confirmou nesta segunda-feira (12) para o jornal O Globo que está sendo sondada para assumir o Ministério do Meio Ambiente no governo Jair Bolsonaro (PSL).

Segundo o colunista Ancelmo Gois, o nome de Maitê foi proposto por um grupo de ambientalistas, economistas e pesquisadores, que disseram que, mesmo sem nenhuma atuação política e partidária, nem conhecimentos técnicos para assumir tal pasta, ela teria um bom trânsito na área ambiental.

Vale lembrar que Bolsonaro chegou a anunciar a união da Agricultura com o Meio Ambiente. Mas após ser duramente criticado por diversos partidos e ambientalistas, ele voltou atrás na própria decisão e disse que manteria os dois ministérios separados.

É importante salientar também que a atriz tem um filho com Paulo Marinho, amigo íntimo de Bolsonaro. E apesar de ter vivido com ele por 12 anos, a loira não se casou, pois não quis abrir mão de uma pensão vitalícia de mais de R$ 26 mil referente à aposentadoria do seu pai, Augusto Carlos Eduardo da Rocha Monteiro Gallo, juiz e procurador de Justiça de São Paulo, que se suicidou em 1989.

No Twitter, internautas questionam se a mesma tem capacidade para administrar tal cargo ou é somente “indicação irresponsável”, por conta de favores ou relações amigáveis entre os dois.

(Amanda Castro – RD1.COM)

Olhe link da matéria completa:
https://rd1.com.br/maite-proenca-e-cotada-para-ser-ministra-do-meio-ambiente-de-bolsonaro/

 

Compartilhar: