Adriane Galisteu relembra namoro com Ayrton Senna: Perguntei tudo para ele sobre Xuxa

Foto: Reprodução

Apresentadora também contou que ficou deprimida ao sair da TV aberta

Ayrton Senna não resistiu a um acidente fatal na Formula 1 há 22 anos. E, há 22 anos, Adriane Galisteu responde questões sobre seu ex-namorado.

A mais recente delas foi na entrevista que deu ao canal de Youtube de Rafinha Bastos. Adriane reafirmou toda sua admiração pelo piloto e confessou que tudo que sabia antes de namorá-lo é que Xuxa já havia conquistado o coração dele.

– Acho essa história linda, quando lembro, ou leio ou vejo alguma foto daquela época, data, tipo aniversário de morte ou dele, me toca muito. Porque ele foi um grande homem, foi muito maior do que acham que ele foi. Ele era tão incrível que namorava uma menina que morava na Lapa, que não tinha um pau pra dar num gato, sendo que ele podia estar com a mulher que ele quisesse. Claro que na primeira oportunidade que eu tive eu perguntei tudo pra ele. Sobre ela [Xuxa], inclusive. Ele me disse que foi completamente apaixonado por ela, mas que também não queria mais porque ele tinha se machucado muito, foi o que ele me disse, declarou a apresentadora.

Aliás, em relação ao trabalho, Adriane declarou que passou por um período bastante difícil ao ficar sem programa algum na grade da TV aberta:

– Eu achei que fosse morrer… Na primeira semana falei, me leva para o hospital. Me dá remédio. Eu quero dormir, não quero nunca mais acordar enquanto não voltar a trabalhar. Depois que passou uma semana, eu passei a ser feliz. Eu comecei a ver que tinha ar, que eu podia comer, que eu podia sobreviver.

Mesmo assim, ela garante que seu ego não a atrapalha em nada quando se trata de fama! Ele só entra em jogo quando o assunto é o corpo e a autoestima da loira, que gosta de estar sempre bem magrinha.

– Nunca tive isso, tenho com capas de revista, com fotos, eu tenho uma paranoia comigo mesmo, me chicoteio.. Na TV pelo contrário. Sempre abri várias portas para um monte de gente que hoje está no ar e eu não”, observa: “Gosto de TV aberta, pode ser o lixo que for, eu topo, afirmou.

Compartilhar: