MUNDIAL DE CLUBES – Real vence e pega Grêmio na final

Reprodução/Internet

Time espanhol enfrenta Tricolor no sábado pela final do Mundial de Clubes

O Real Madrid está na final do Mundial de Clubes. O time merengue enfrenta o Grêmio, no próximo sábado (16), na disputa pelo troféu, depois de vencer o Al Jazira nesta quarta por 2 a 1. Cristiano Ronaldo e Bale marcaram para os espanhóis, e Romarinho fez o gol do time da casa.

O jogo foi mais apertado do que esperavam Zidane e seus comandados. O gol da vitória saiu só aos 36 minutos da segunda etapa.

Logo nos primeiros lances, um jogador já despontava como candidato a melhor em campo. E não era Cristiano Ronaldo ou outro atleta do Real Madrid. Tratava-se do goleiro Ali Khaseif, do Al Jazira, que fazia uma intervenção incrível atrás da outra. Em menos de oito minutos ele já havia praticado três ótimas defesas, segurando a forte pressão merengue.

O camisa 7 do time espanhol, aliás, aparecia em todas as jogadas. Em 12 minutos, ele acumulava pelo menos cinco chances de gol. Após cabecear uma bola por cima da meta de Khaseif, o português demonstrou irritação com o erro e falou para si mesmo: “é para baixo”.

Enquanto Cristiano Ronaldo perdia a paciência com as chances desperdiçadas, o goleiro Khaseif seguia fazendo intervenções fundamentais. Ele defendeu boa cabeçada de Benzema, aos 16 minutos, e chute perigoso de Modric, aos 19. O jogo aéreo era uma das principais armas do Real, que insistia em cruzamentos – na metade do primeiro tempo, os merengues já haviam alçado a bola na área rival 14 vezes.

Casemiro até conseguiu superar o goleirão Ali Khaseif, completando cruzamento de Isco, mas Sandro Meira Ricci anulou. O juiz brasileiro havia validado o gol, mas voltou atrás após conferir o lance com o VAR, o árbitro de vídeo, e constatar que Benzema estava impedido.

Apesar da pressão do Real, quem marcou primeiro foi o adversário. O time de Zinédine Zidane finalizou 17 vezes, enquanto o Al Jazira conseguiu criar apenas duas chances em contra-ataques. Na primeira, Mabkhout teve grande oportunidade, mas mandou para fora. Na segunda, Romarinho não perdoou. O atacante ex-Corinthians teve calma para dominar, ajeitar o corpo e abrir o placar para o time da casa.

Depois de um primeiro tempo digno de filme, o roteiro da segunda etapa reservava momentos bem mais frustrantes para o Al Jazira. Após contra-ataque fulminante puxado por Mabkhout, Boussoufa se precipitou e ficou em posição irregular. Ele chegou a balançar as redes de Navas, mas o gol foi anulado com auxílio do VAR.

Logo em seguida, mais problemas: herói do time anfitrião, Khesaif precisou ser substituído. E sem seu algoz embaixo das traves, Cristiano Ronaldo conseguiu empatar o confronto. O português marcou aos 7 minutos, colocando muita pressão em cima do Al Jazira.

A “blitz” na área dos anfitriões deu resultado. Restando nove minutos para o fim do tempo regulamentar, Gareth Bale virou. O Real, então, só administrou o placar e saiu com a classificação para mais uma final de Mundial.

O time espanhol enfrenta o Grêmio no próximo sábado, pela final do Mundial de Clubes. O jogo será realizado em Abu Dhabi. O Al Jazira, por sua vez, tentará o terceiro lugar contra o Pachuca, no mesmo dia.

(Pedro Rubens Santos, do R7*)

*Sob supervisão de André Avelar

Olhe link da matéria completa:
https://esportes.r7.com/futebol/romarinho-e-goleiro-brilham-mas-real-vence-e-pega-gremio-na-final-13122017

Compartilhar: